terça-feira, 13 de setembro de 2011

Angolana é escolhida como a Miss Universo 2011

Ontem se encerrou a primeira edição do Miss Universo ocorrida no Brasil em que ganhou a - realmente - lindíssima angolana Leila Lopes. A brasileira Priscila Machado ficou em terceiro lugar.

É realmente um baque para aquele ridículo site racista que desceu o pau no concurso de Miss Universo deste ano por quase não haver "brancas puras" competindo. Danem-se eles. A Miss Angola ganhou por mérito, justamente por ser uma mulher lindíssima e charmosa. Era a minha terceira favorita. A segunda era a portuguesa e a primeira, dinamarquesa (que infelizmente não esteve entre as finalistas). Mas Lopes fez a justiça e mostrou a força das mulheres negras (que curiosamente estavam entre as mais lindas do concurso, por terem a beleza explicitamente natural).

Parabéns a estonteante deusa Leila Lopes por ter conquistado essa. Não acredito em premiações por causa do subjetivismo. Mas foi bom que Leila ganhasse esse concurso justamente para provar - mesmo que ela não precise de concursos desse tipo - que é uma mulher de valor, com beleza, charme e inteligência.

Já que ela ganhou por causa de seu sorriso, que ela possa sorrir muito. Coisa linda é para ser mostrada.

--------------------------------------------------------------
OBS: Fiquei feliz também pela candidata da Venezuela nem ter chegado perto. A aparência dele é claramente de alguém que fez plástica e as concorrentes vindas da terra de Hugo Chavez normalmente tem aquela cara plastificada de mocinha de novela mexicana. Na minha opinião, plástica é o "doping" dos concursos de miss, e por isso mesmo a venezuelana era a pior concorrente. Mereceu perder.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.